Os laboratórios farmacêuticos estão a tentar desenvolver tratamentos e vacinas contra o novo coronavírus Covid-19, que já infetou mais de 70 mil pessoas e causou pelo menos 1.770 mortos.

O plasma de doentes já curados contém anticorpos que podem ajudar a reduzir a carga viral em doentes graves, segundo disse aos jornalistas um responsável da comissão nacional de saúde da China.

Onze doentes hospitalizados em Wuhan, o epicentro da nova epidemia, receberam transfusões de plasma na semana passada, acrescentou em conferência de imprensa, Sun Yanrong, do centro biológico do Ministério da Ciência chinês.

Um desses doentes que recebeu a transfusão já regressou a casa, um outro apresentou melhorias significativas e os restantes estão a dar sinais de recuperação.

Um laboratório nacional da China assegurou também que os doentes que receberam transfusões de plasma registam melhorias logo nas primeiras 24 horas.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.