Este "bónus de incentivo", referiu a mesma fonte, foi a solução encontrada pela Auchan Retail Portugal para "reconhecer o esforço diário dos seus colaboradores" neste período marcado pelo surto do novo coronavírus.

Com cerca de 9.000 funcionários, distribuídos por 64 lojas físicas e 29 gasolineiras em território nacional, a retalhista tomou esta medida depois de, em França, país onde está sediada a Auchan, ter-se decidido entregar um prémio de 1.000 euros a cada trabalhador que continuasse a exercer as suas funções - são cerca de 65.000, no total.

Esse bónus de 1.000 euros surgiu depois da isenção de impostos decretada pelo ministro da Economia de França, Bruno Le Maire, tendo sido aplicado por outras cadeias de supermercados no país, como a Carrefour, o Intermarché e a Kingfisher, avançou a Efe na segunda-feira.

Tais incentivos, referiu ainda a agência de notícias espanhola, vão também ser aplicados pela multinacional em Espanha, na Roménia, na Hungria e no Luxemburgo, com valores definidos "em função da legislação e das condições sociais" de cada país.

O novo coronavírus, responsável pela pandemia de Covid-19, já infetou mais de 360.000 pessoas em todo o mundo, tendo morrido mais de 17.000.

Depois de ter surgido em dezembro, na cidade de Wuhan, na China, o surto espalhou-se por todo o mundo, o que levou a Organização Mundial da Saúde (OMS) a declarar a situação de pandemia.

Em Portugal, há 23 mortes e 2.060 infeções confirmadas, de acordo com o último balanço da Direção-Geral da Saúde (DGS), na segunda-feira.

O país está em estado de emergência desde as 00:00 de quinta-feira e até às 23:59 de 02 de abril.

(Artigo corrigido às 16:22 — A informação enviada pela agência lusa dava conta de um prémio de 20% do salário bruto a quem continuasse a trabalhar. No entanto, representante da empresa veio corrigir esta informação)

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.