O anúncio da ativação foi feito, em comunicado, pelo presidente da Comissão Distrital de Proteção Civil, Miguel Costa Gomes, também presidente da Câmara de Barcelos.

No seguimento da declaração do estado de emergência, a Comissão Distrital de Proteção Civil de Braga decidiu na quarta-feira, e como medida preventiva, propor ao membro do Governo responsável pela área da Proteção Civil a ativação do Plano Distrital de Emergência.

A proposta mereceu hoje a anuência da secretária de Estado da Administração Interna, Patrícia Gaspar.

"Neste sentido, informa-se que se encontra ativo o Plano Distrital de Emergência de Proteção Civil de Braga, com o objetivo de garantir a unidade de direção e controlo, bem como uma adequada articulação e coordenação dos agentes de Proteção Civil e dos organismos e entidades de apoio, a empenhar na gestão desta situação, de elevada complexidade, sustentando a ação das autoridades de saúde", refere o comunicado.

O novo coronavírus, responsável pela pandemia da covid-19, já infetou mais 480 mil pessoas em todo o mundo, das quais morreram perto de 22.000.

Depois de surgir na China, em dezembro, o surto espalhou-se por todo o mundo, o que levou a Organização Mundial da Saúde (OMS) a declarar uma situação de pandemia.

Em Portugal, registaram-se 60 mortes, mais 17 do que na véspera (+39,5%), e 3.544 infeções confirmadas, segundo o balanço feito hoje pela Direção-Geral da Saúde, que identificou 549 novos casos em relação a quarta-feira (+18,3%).

Dos infetados, 191 estão internados, 61 dos quais em unidades de cuidados intensivos, e há 43 doentes que já recuperaram.

VCP // MSP

Lusa/Fim

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.