Em comunicado, a InvestBraga refere que também a galeria Forum Arte Braga, o Espaço do Investidor e a Startup Braga retomam o trabalho presencial a 18 de maio, abrindo o Centro de Juventude de Braga ao público a 01 de junho.

Para o Altice Forum, estão já estão agendados espetáculos como “Minutos Mágicos”, com Mário Daniel, a peça de teatro “Insónia” de Fernando Mendes e os espetáculos de comédia “Alexandre Santos” e “Braga Stand Up Comedy Fest”, além do musical infantil “A Bela e o Monstro”.

Estão igualmente agendados “diversos eventos” para o período compreendido entre agosto e o final do ano.

Também sob a alçada da InvestBraga, a galeria Forum Arte Braga abrirá ao público no dia 20 de maio, com a exposição "Mesa dos sonhos: duas coleções de arte contemporânea”, que reúne obras da Coleção de Serralves e da Coleção da Fundação Luso-Americana para o Desenvolvimento.

O Espaço do Investidor, durante o período de confinamento, esteve em teletrabalho, apoiando empresas através do Programa de Apoio ao Comércio e a Outro Tipo de Empresas (PACOTE).

“Com a reabertura do Espaço do Investidor, a área da Dinamização Económica e Atração de Investimento irá direcionar a sua ação para a retoma da atividade económica, bem como para a criação de condições para a atração de novos investimentos, que permitam a Braga continuar a afirmar-se como um dos principais polos exportadores do País, de desenvolvimento empresarial e de formação de talento e da sua empregabilidade”, lê-se no comunicado.

No caso da Startup Braga, as atividades presenciais serão, igualmente, retomadas, com a possibilidade das 'startups' incubadas poderem aceder ao edifício gnration, a partir de segunda-feira.

Já as nove 'startups' selecionadas na primeira fase do programa de incubação 2020, começarão a ser instaladas a partir de 01 de junho, data em que o edifício em que se localiza a Startup Braga prevê a sua reabertura ao público.

O Centro de Juventude de Braga tem abertura ao público preparada para 01 de junho, depois de ter realizado até ao momento mais de 750 dormidas de profissionais de saúde que estiveram na linha da frente da luta contra a covid-19.

Portugal entrou no dia 03 de maio em situação de calamidade devido à pandemia, depois de três períodos consecutivos em estado de emergência desde 19 de março.

Esta nova fase de combate à covid-19 prevê o confinamento obrigatório para pessoas doentes e em vigilância ativa, o dever geral de recolhimento domiciliário e o uso obrigatório de máscaras ou viseiras em transportes públicos, serviços de atendimento ao público, escolas e estabelecimentos comerciais.

O Governo deverá aprovar hoje novas medidas para entrarem em vigor na segunda-feira, incluindo as visitas a lares, a reabertura das creches e dos equipamentos sociais de apoio à deficiência, aulas presenciais para os 11.º e 12.º anos, e a reabertura de algumas lojas de rua, cafés, restaurantes, museus, monumentos e palácios.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.