Nas últimas duas semanas, esta será já a quinta vez que aquelas urgências encerram, por períodos de 24 horas.

Em comunicado, o hospital acrescenta que a administração “está a envidar todos os esforços” para assegurar o funcionamento daquele serviço nos dias 08, 09 e 10 julho.

“O conselho de administração ressalva ainda que envida diariamente todos os esforços com a finalidade de, sobretudo, manter assegurada a prestação de cuidados de saúde de forma regular às grávidas e parturientes da região”, diz ainda.

Sublinha que está a trabalhar “de forma articulada” com outros hospitais da região, para que a resposta aos utentes seja garantida pela rede de instituições do Serviço Nacional de Saúde.

O Hospital de Guimarães garantiu hoje que aquela unidade está preparada para fazer face a uma maior procura causada pelo fecho das urgências de Ginecologia e Obstetrícia de Braga, anunciado para o próximo domingo.

Em caso de Urgência, o Hospital de Braga pede aos utentes para contactarem a Linha SNS 24 – 808 24 24 24 e se dirijam a um dos outros hospitais da região, nomeadamente aqueles que têm apoio da especialidade de Ginecologia e Obstetrícia, entre os quais Guimarães, Vila Nova de Famalicão e Viana do Castelo.

Em casos de maior complexidade, os utentes “devem dirigir-se” ao Centro Hospitalar de São João, no Porto.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.