Os três requerimentos foram votados na Comissão de Economia, Obras Públicas, Planeamento e Habitação, tendo obtido o voto contra do PS e os votos favoráveis das restantes bancadas parlamentares.

O deputado do PS Hugo Santos argumentou que há já uma audição do ministro aprovada para a próxima semana, no dia 13, onde poderá também ser questionado sobre o despacho entretanto revogado, que dava conta de uma decisão que contemplava um aeroporto no Montijo e outro em Alcochete.

Já a deputada do PCP Paula Santos acusou o PS de “bloqueio” à discussão, por ter votado contra os requerimentos.

Na semana passada, o Ministério das Infraestruturas publicou um despacho que dava conta de que o Governo tinha decidido avançar com uma nova solução aeroportuária para Lisboa, que passava por avançar com o Montijo para estar em atividade no final de 2026 e Alcochete e, quando este estiver operacional, fechar o aeroporto Humberto Delgado.

No entanto, no dia seguinte à sua publicação, o despacho foi revogado por ordem do primeiro-ministro, António Costa, levando Pedro Nuno Santos a assumir publicamente "erros de comunicação" com o Governo nas decisões que envolveram o futuro aeroporto da região de Lisboa.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.