Juanma Boselli (36), Tiago Dantas (84) e Jhon Murilo (90+1) asseguraram a passagem do Tondela, num jogo em que Léo Bolgado fez o único golo (90) do Leixões, que tinha afastado os viseenses nos três confrontos anteriores na Taça.

Os primeiros minutos revelaram-se equilibrados, com a equipa da I Liga a criar o primeiro perigo junto da baliza do Leixões (03 minutos), mas, apesar de isolado, Juanma Boselli rematou ‘na cara’ de Stefanovic, permitindo a defesa da bola.

Três minutos depois, foi a equipa da II Liga a dispor de uma grande oportunidade e Wendel Silva imitou Boselli e, isolado, atirou à figura de Babacar Niasse.

O desafio continuou a ser jogado, maioritariamente, no meio-campo, com o Tondela a ter mais bola, mas sem conseguir passar pela barreira defensiva do Leixões.

A insistência ‘beirã’, mais concretamente de Juanma Boselli, levou-a a inaugurar o marcador aos 36 minutos do jogo. Rafael Barbosa cruzou e Khacef assistiu o avançado uruguaio, que bateu Stefanovic.

Depois do golo, o jogo mudou um pouco, com o Leixões a procurar o empate e o Tondela a tentar segurar o resultado.

Apesar de manter alguma superioridade, o Tondela não conseguiu aproximar-se com muito perigo da área leixonense, à exceção de remates de Boselli (72) e Rafael Barbosa (74).

Nos minutos finais, o jogo voltou a ganhar emoção, com Tiago Dantas (84 minutos) a aumentar a vantagem do Tondela, com um remate de pé esquerda de fora da área.

Seis minutos depois, o Leixões reentrou no encontro, com um golo de Léo Bolgado (90), na sequência de um livre marcado por João Oliveira.

Jhon Murilo, acabado de entrar em campo e já nos minutos de compensação (90+1), confirmou a vitória do Tondela na quarta eliminatória da Taça de Portugal.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.