A China igualou o recorde de medalhas de ouro no halterofilismo numa só competição olímpica. Ao conquistarem sete medalhas douradas durante os Jogos Olímpicos Tóquio 2020, a seleção chinesa iguala o feito da União das Repúblicas Socialistas Soviéticas (URSS) durante os JO de Montreal 1976, competição marcada pelo boicote de 26 países africanos.

Dos oito atletas da comitiva, quatro homens e quatro mulheres, Liao Qiuyun (55kg) foi a única que não subiu ao mais alto lugar do pódio: terminou em segundo.

No Fórum Internacional de Tóquio, a chinesa Li Wenwen, detentora do recorde mundial da categoria super-pesos pesados e mundial júnior (+87kg) arrecadou a sétima medalha de ouro da comitiva em Tóquio 2020 e bateu o recorde olímpico num total de 320 kg (140 + 180 kg, snach e clean and jerk, ambos recordes olímpicos).

"Quero agradecer ao meu país", afirmou Li que nunca tinha competido fora da República Popular da China até há dois anos. "Sem o meu país não alcançaria este grande feito", continuou a atleta de 21 anos.

Wang Zhouyu, vencedora em 87 kg acrescentou: "A nossa equipa, quando vai para qualquer competição no estrangeiro, quer mostrar a força da China. Os atletas chineses, cada um deles, está aqui para lutar pelas medalhas de ouro”, reforçou.

À margem do poderia chinês no levantamento do peso, a inglesa Emily Campbell terminou em segundo (+87kg) e tornou-se a primeira britânica a vencer uma medalha na disciplina e o primeiro atleta britânico a subir ao pódio depois de David Mercer, Bronze em Los Angeles 1984, pondo fim a uma espera de 37 anos.

Santana Peguero, República Dominicana, conquistou a medalha de bronze e tornou-se a primeira mulher desta ilha caribenha a vencer uma medalha numa competição individual.

Por fim, Laurel Hubbard, halterofilista neozelandesa na categoria feminina de +87 Kg, escreveu um capítulo na história dos Jogos ao tornar-se a primeira atleta transgénero a pisar chão olímpico. Mas, aos 43 anos, a atleta mais velha neste desporto não ficará para a história no que toca aos resultados. Falhou as três tentativas de levantamento de peso (120 kg e duas vezes a 125 kg) e foi eliminada.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.