"Uma casa dos horrores", é assim que quem participou na operação descreve o cenário que encontrou. Os cadáveres dos animais foram encontrados um pouco por toda a habitação: no canil, em armários e em arcas congeladores. Apenas um foi encontrado vivo e foi recolhido, tendo sido transportado para o Gabinete Médico-Veterinário Municipal de Loures. O animal, um pastor belga, encontrava-se claramente subnutrido e desidratado.

O grupo IRA - Intervenção e Resgate Animal tinha sido alertado pelos vizinhos, através das redes sociais, devido à situação do animal no quintal. A operação de resgate foi realizada na quinta-feira, com acompanhamento da Guarda Nacional Republicana (GNR).

O proprietário da habitação foi identificado pelas autoridades, mas ainda não foi encontrado. Trata-se de um criador de raças, mas segundo tem sido reportado não é visto na zona desde dezembro.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.