A criptomoeda desvalorizou-se hoje 8%, queda que se soma à observada no domingo, que foi de 1,3%, segundo dados da agência financeira Bloomberg.

No sábado, a bitcoin valorizou-se 7,2% e estabeleceu um novo recorde nos 61.742 dólares (51.757 euros), enquanto no domingo fechou a valer 60.273 dólares (50.526 euros).

A criptomoeda mais conhecida a nível mundial atingiu o recorde anterior em 21 de fevereiro (58.350 dólares, isto é, 48.914 euros), mas a partir dessa altura iniciou uma trajetória descendente que a levou em 28 de fevereiro a valer 43.000 dólares (cerca de 36.050 euros).

Os analistas ligam essa desvalorização com a venda de bitcoins por parte do fabricante norte-americano de veículos elétricos Tesla e a um tweet do seu presidente executivo, Elon Musk, assinalando que a criptomoeda poderia estar sobrevalorizada.

A compra de bitcoins pela Tesla foi um dos fatores que levou criptomoeda a registar uma enorme valorização no mês de fevereiro.

A bitcoin iniciou o mês de março com uma elevada volatilidade, mas com tendência para se valorizar, uma subida que se acelerou no final da semana passada.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.