“Defendemos que a Câmara tenha uma espécie de Plano Marshall [programa para o pós-Segunda Guerra Mundial] para a Baixa e investisse na Baixa para promover a sua recuperação”, afirmou o candidato, que falava à agência Lusa à margem de uma ação de campanha por aquela zona da cidade.

A coligação PSD/CDS-PP/Nós, Cidadãos!/PPM/Volt/RIR /Aliança propôs a compra e a posse administrativa por parte do município de edifícios degradados na Baixa para arrendamento a custo controlado, mas também para acolher novos negócios e empresas das áreas tecnológicas.

Apontando para o caso da Rua da Sofia, onde elementos da campanha distribuíram panfletos e contactaram com munícipes, José Manuel Silva realçou que não há “nenhum projeto de reabilitação e abertura à dinâmica cultural e turística” dos colégios que ali se encontram.

“Todo esse património tem que ser revivificado, tem que ser aberto, tem que ser vivido”, asseverou.

José Manuel Silva defendeu também uma deslocalização das “múltiplas instituições de apoio social” situadas na Baixa e “apoiar verdadeiramente as pessoas que precisam de apoio social, não num sentido caritativo do termo, mas no sentido de lhes resolver os problemas”.

Redução das taxas cobradas aos comerciantes, resposta rápida às empresas que se queiram instalar na Baixa ou uma residência universitária naquela zona são outras das propostas do também vereador eleito pelo movimento independente Somos Coimbra.

Questionado pela agência Lusa sobre o conceito de cidade de 15 minutos plasmado no programa, o candidato admitiu primeiro desconhecer a proposta, justificando-se depois que essa era uma área da número três da lista, a docente da Universidade de Coimbra, Ana Bastos.

Posteriormente, socorrendo-se do programa, salientou que a coligação pretende desenhar a cidade com zonas em que, a partir de modos suaves de transporte, seja possível fazer toda a vida à distância de 15 minutos, com infraestruturas e meios que facilitem a ligação entre as zonas alta e baixa de Coimbra.

Acompanhado pelo grupo de concertinas “Os Amigos da Paródia”, José Manuel Silva recebeu várias manifestações de apoio pela Baixa.

“Desta vez, vai ganhar. Não tenha a menor dúvida”, disse o proprietário de um restaurante, enquanto outra munícipe, depois de tirar uma ‘selfie’ com o candidato, congratulou-se com o encontro: “Já ganhei o meu dia”.

Os candidatos à Câmara de Coimbra são o atual presidente do município, Manuel Machado (PS), José Manuel Silva (coligação Juntos Somos Coimbra – PSD/CDS-PP/Nós, Cidadãos!/PPM/Volt/RIR /Aliança), Francisco Queirós (CDU), Gouveia Monteiro (Cidadãos por Coimbra), Miguel Ângelo Marques (Chega), Filipe Reis (PAN), Inês Tafula (coligação Coimbra é Capital - PDR/MPT) e Tiago Meireles Ribeiro (Iniciativa Liberal).

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.